Os 7 erros comuns que atrapalham nos estudos em EAD

Postado em 04/03/2020



Para te ajudar a estudar cada vez melhor e conquistar aquele cargo de destaque no mercado de trabalho, listamos alguns fatores que devem ser evitados pelo estudante a distância e algumas dicas para te auxiliar.

O crescimento do formato em EAD é irrefutável. Segundo projeção feita pelo IBMEC, é esperado que daqui a dois anos o ensino a distância signifique 50% de todos os cursos oferecidos no Brasil. Desse modo, é importante estar atento às especificidades desse ensino, suas vantagens e desvantagens, facilidades e dificuldades.
 
Quando escolhemos realizar uma graduação ou pós-graduação EAD, apesar de suas tantas vantagens, devemos estar atentos para não cometer erros que possam atrapalhar nosso desempenho. 
 
Confira os 7 erros que atrapalham o estudo em EAD:
 

1. Procrastinação

“Só mais um episódio” e “daqui a pouco eu faço”: se você anda dizendo essas frases com mais frequência do que gostaria, devo te alertar: você está procrastinando.
 
Para aqueles que escolheram cursar o ensino a distância, a procrastinação pode se tornar uma grande vilã do fluxo de estudos. Isso porque a modalidade pressupõe flexibilidade, em que o próprio aluno delimita sua carga horária, e independência, o estudante necessita mais de seu esforço do que dos colegas e dos professores. 
 
Dica: Para fugir do fantasma da procrastinação você pode definir metas a serem cumpridas; crie mecanismos de motivação, por exemplo, você pode instituir pequenas recompensas assim que a meta determinada for cumprida; descanse quando for a hora de descansar; e por fim, cuide de seu emocional, o que inclui não ser extremamente exigente consigo.
 

2. Desorganização

A característica de flexibilidade da educação a distância pode ser vista como uma oportunidade ou ameaça. Isso vai depender de quanto você pratica a organização de seus estudos. 
 
Mas calma, calma... não criemos pânico, como diria um grande super-herói da televisão mexicana. A organização é algo que pode ser exercitado no dia a dia, mesmo para aqueles que não tem aquela disciplina nata. Mas então, como se organizar? 
 
Dica: Primeiro de tudo, você pode estabelecer um cronograma, contendo um número de horas dedicadas exclusivamente ao estudo, e segui-lo à risca. Além disso, fazer listas de afazeres e utilizar agendas para marcar datas importantes. Sobretudo na hora do planejamento, seja realista com sua rotina, estabeleça planos que você realmente pode cumprir. 
 

3. Distração

É só olhar rapidinho nas redes sociais que logo você é abduzido pelos vídeos interessantes, conversas com amigos, memes engraçados e entre tantos outros estímulos que estão presentes na internet.
 
São várias as distrações que podem prejudicar durante os estudos, principalmente quando falamos do ambiente virtual. Por isso, o foco e a concentração são determinantes na hora dos estudos.
 
Dica: Para ampliar sua capacidade de concentração, você pode desligar as notificações dos aparelhos eletrônicos; deixar o lugar em que está com a menor quantidade possível de itens/objetos, a fim de só ter em mãos o essencial; e cumprir uma tarefa por vez. Você renderá mais se sua atenção estiver voltada a somente uma coisa.
 

4. Esquecer de tirar as dúvidas

As dúvidas são comuns no processo de aprendizado, e isso não é diferente quando se trata do EAD. As plataformas online de ensino disponibilizam fóruns de discussão e professores para sanar dúvidas. Elas devem ser usadas o máximo possível. É nesse ambiente que você consegue aperfeiçoar seu conhecimento.
 
Dica: Sempre que puder e precisar, fale com o professor responsável. Não deixe as dúvidas pendentes, e utilize as ferramentas online disponíveis. 
 

5. Não complementar os estudos com outros materiais 

A construção de conhecimento não se restringe apenas à aula. Seja presencial ou a distância, você pode aprender aquela matéria de um jeito legal e divertido. Quer dizer, além dos livros teóricos e da explicação, procure materiais alternativos como, por exemplo, filmes e podcasts.
 
Dessa maneira, você olha aquela matéria que está sendo ensinada sob uma nova perspectiva, mais dinâmica e interessante. Isso pode ajudar a te manter motivado diariamente.
 

6. Subestimar o curso a distância 

Um dos grandes erros ao estudar a distância é subestimar os cursos a distância e não tratá-los com a devida prioridade. Quer dizer, o grau de exigência é o mesmo que os cursos presenciais; a maior diferença nesse aspecto é que não há vigilância constante do professor. Então, deixar para a última hora, pular etapas e não participar de fóruns são todos sintomas dessa subestimação.
 
Dica: Por isso, ao optar por uma graduação ou especialização EAD, tenha em mente suas complexidades ao pesquisar um curso online. Sobretudo, demande a atenção necessária para que as tarefas sejam cumpridas da melhor maneira possível.
 

7. Escolher uma instituição de ensino sem qualidade reconhecida pelo MEC

Não pesquisar sobre a instituição de ensino antes de iniciar uma graduação EAD pode gerar grande frustração durante o curso; além disso, seu diploma corre o risco de não valer se for de uma faculdade não reconhecida pelo MEC. 
 
Por isso, antes de tudo, verifique as credenciais da instituição de ensino, se ela é reconhecida e tem uma boa avaliação pelo MEC, uma boa forma de pesquisar é conversando com pessoas que já são matriculadas.
 
 
Esses erros comuns dos alunos EAD devem ser evitados ao máximo, de modo a melhorar a sua experiência. Todas essas dicas servem para auxiliar na hora de estabelecer e cumprir uma rotina de estudos, que seja justa com o ritmo do seu dia a dia e te possibilite a aprender cada vez mais.
 
LEIA MAIS:
 
 

Compartilhe essa notícia