Saiba como empreender na área de Educação Física

Postado em 14/11/2019



Hoje, se um profissional não tiver um espírito empreendedor, seja qual for a sua área de atuação, suas chances de ter um bom crescimento dentro da profissão ficarão bastante reduzidas. Infelizmente, muitas pessoas deixam para aprender isso somente na prática e da pior maneira.
 

Para o profissional de Educação Física, atualmente, o maior exemplo de empreendedorismo na profissão é o personal trainer. O personal de sucesso é um empreendedor – ou microempreendedor – que aplica em seu cotidiano várias técnicas, como plano de negócios, gatilhos mentais, parcerias e outras habilidades. Assim, vale destacar o quanto é importante e vantajoso o educador físico desenvolver um esforço maior para buscar construir o seu próprio negócio.
 

O sucesso nessa trajetória dependerá muito do quanto o educador físico se empenhar em tornar-se um empreendedor. Para tanto, é fundamental obter conhecimento por meio da literatura, visando à absorção de informações multidisciplinares que enriqueçam ainda mais sua visão profissional para o negócio. Isso significa especializar-se na proposta que deseja atuar e construir um nicho de acordo com suas habilidades, de modo que consiga atrair os clientes que busca.
 

O que é empreendedorismo?

Empreendedorismo é a capacidade que uma pessoa tem de identificar problemas e oportunidades, desenvolver soluções e investir recursos na criação de algo positivo para a sociedade. A palavra é também muitas vezes definida como a habilidade em criar e implementar mudanças, inovações e melhorias a um mercado, negócio, projeto ou mesmo um movimento que gere mudanças reais e impacto no cotidiano das pessoas.
 

De acordo com o professor e pesquisador de empreendedorismo, Louis Jacques Filion, foi a abordagem do economista Joseph Schumpeter que associou o empreendedorismo à inovação, pois “a essência do empreendedorismo está na percepção e no aproveitamento das novas oportunidades no âmbito dos negócios”.
 

Empreendedorismo no esporte

Para iniciar um negócio de empreendimento, é necessário ter em mente qual área do mercado deseja de inserir. Para obter um bom desempenho no projeto é muito importante que o nicho e o público-alvo estejam bem definidos. Para isso, leve em conta o seu perfil e afinidade, além de analisar cautelosamente as oportunidades que estão em alta, mas tenha em mente que, o empreendedorismo está diretamente associado à inovação!
 

No Brasil, devido aos grandes eventos recentes, como a Copa do Mundo de Futebol e os Jogos Olímpicos, somado à busca das pessoas por uma maior qualidade de vida, é possível observar um campo amplo de oportunidades a serem trabalhadas.
 

O esporte é um campo amplo de oportunidades e, por esse motivo, existem muitas áreas a serem exploradas, a começar pelo tipo de esporte que será o enfoque principal da empresa. Confira algumas áreas para se explorar:
 

- Agência de marketing esportivo

- Gestão de carreiras esportivas

- Organização de eventos esportivos

- Escola especializada em esportes

- Escolinha de futebol infanto-juvenil

- Escolas especializadas para adultos e ou idosos

- Loja de artigos esportivos
 

Priorize capacitação e atualização

Lembre-se de que as ideias que você pensou hoje podem ser inovadoras agora, mas defasadas em pouco tempo. Ou seja, a atualização constante é a fórmula de sucesso para se destacar e diferenciar no mesmo e entre os concorrentes, e também, oferecer sempre a melhor experiência para o seu cliente. Os cursos de especialização são uma excelente forma de aprofundar os estudos e criar uma rede de contatos. Fique atento às oportunidades, organize-se e busque recursos para viabilizar seu empreendimento.

 

Aproveite e conheça a Pós-Graduação a Distância em Administração e Marketing Esportivo do Centro Universitário São Camilo e alavanque sua carreira. Tradicional e tecnológica, a São Camilo desenvolve especialistas preparados para todos os desafios!

 

Fonte: educacaofisica.com.brblogeducacaofisica.com.br; blog.sebrae-sc.com.br; blog.unisportbrasil.com.br