Fitoterapia: uma importante especialidade na área de Nutrição

Postado em 18/08/2021



Prescrição de fitoterápicos é uma prática cada vez mais difundida na área de Nutrição. Descubra mais sobre a importância da fitoterapia na Nutrição.
 
Atualmente, a fitoterapia é uma prática integrativa complementar à nutrição e regulamentada pelo Conselho Federal de Nutrição (CFN). Para os nutricionistas, a fitoterapia pode ser muito importante no complemento de um plano nutricional. Vamos saber por quê.

A importância da fitoterapia na Nutrição

Antes de tudo, é importante saber que, quando falamos em fitoterapia, queremos aludir aos medicamentos cuja matéria-prima é exclusivamente vegetal. Essa matéria prima, após um processo de industrialização, dá origem a um medicamento fitoterápico. 
 
Dentro do seu campo de atuação, o nutricionista pode utilizar plantas medicinais e drogas vegetais, medicamentos fitoterápicos, produtos tradicionais fitoterápicos e preparação magistral fitoterápica como estratégia complementar à prescrição dietética.

Vantagens da fitoterapia para a Nutrição

De acordo com a professora mestra Gabriela Chamusca, docente do curso de Pós EAD em Fitoterapia Aplicada à Nutrição, os fitoterápicos são usados por apresentarem menos efeitos colaterais em comparação aos medicamentos alopáticos. Estas são as principais vantagens dos fitoterápicos:
 
• Forma de tratamento com melhor custo-benefício, já que os fitoterápicos são mais baratos.
• Menos efeitos colaterais.
• Matéria-prima de mais fácil obtenção.
• Fornecidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS) de forma integrativa e complementar.
 
Nesse caso, ser um nutricionista especializado em Fitoterapia proporciona um conhecimento mais aprofundado sobre todas as características das plantas medicinais e dos medicamentos fitoterápicos, bem como suas vantagens e como utilizá-los da melhor forma. 
 
Você também pode gostar de:

Conheça a Pós EAD em Fitoterapia Aplicada à Nutrição

A pós a distância em Fitoterapia Aplicada à Nutrição tem o objetivo de preparar o profissional para a atuação com a fitoterapia, oferecendo conhecimentos aprofundados em: 
 
• Botânica: Anatomia e Fisiologia Vegetal
• Farmacologia Aplicada à Fitoterapia
• Bases da Fitoterapia e Farmacotécnica
• Plantas Medicinais e Drogas Vegetais I e II
• Fitoquímicos e Fito-Hormônios de Plantas Vegetais
• Alimentos Funcionais Vegetais
• Entre outros conteúdos essenciais para a fitoterapia aplicada à Nutrição
 
Então, se você está buscando ampliar seus conhecimentos, melhorar seu networking, consolidar sua carreira em uma área específica e, ainda, conseguir diferenciar-se no mercado de trabalho, busque um curso de especialização EAD na área da Nutrição.
 

Compartilhe essa notícia